UEFA.com works better on other browsers
For the best possible experience, we recommend using Chrome, Firefox or Microsoft Edge.

Inter 1-0 Milan (total: 3-0): Martínez confirma apuramento dos Nerazzurri para a final

Um golo de Lautaro Martínez já perto do fim garantiu nova vitória ao Inter sobre o vizinho e rival Milan, selando a primeira presença dos Nerazzurri numa final da UEFA Champions League desde 2010.

Resumo: Inter 1-0 Milan

O Inter, última equipa italiana a ganhar a competição, garantiu um lugar na final da UEFA Champions League 13 anos depois ao somar nova vitória sobre o vizinho e rival Milan com um golo solitário de Lautaro Martínez a meio da segunda parte da segunda mão das meias-finais da UEFA Champions League.

Momentos-chave

5': Remate de longe de Hernández sai por cima
11':
Onana defende bem remate de Brahim Díaz em boa posição
38': Rafael Leão atira ligeiramente ao lado após jogada individual
39'
:
Džeko cabeceia para grande defesa de Maignan
41'
:
Lautaro Martínez falha o alvo por pouco
74':
Avançado argentino marca o único golo do jogo

O jogo em poucas palavras: Martínez faz a diferença

O desalento de Oliver Giroud
O desalento de Oliver GiroudAFP via Getty Images

O Milan entrou em campo motivado pelo regresso de Rafael Leão e, ao contrário do que sucedeu na primeira mão, começou melhor e criou perigo logo nos cinco minutos iniciais. Theo Hernández rematou de longe, ligeiramente por cima, após livre de Sandro Tonali, e pouco depois foi Brahim Díaz a surgir em excelente posição na grande área do Inter para um remate que Onana acabou por segurar.

Depois, foi a vez de Rafael Leão, numa arrancada à sua imagem, ficar perto do golo, num remate cruzado de pé esquerdo que saiu ligeiramente ao lado após deixar para trás vários adversários.

O Inter respondeu e Edin Džeko, que já havia marcado na sequência de um lance de bola parada na primeira mão, quase marcou de novo num seguimento de um lance de bola parada, desta feita num livre cobrado por Hakan Çalhanoğlu. O cabeceamento do veterano avançado bósnio, porém, foi defendido de forma brilhante por Mike Maignan.

Os nerazzurri estavam a crescer no encontro e Lautaro Martínez deixou um primeiro aviso do que iria suceder no segundo tempo, ao rematar de pé esquerdo ligeiramente ao lado da baliza à guarda de Maignan. Seria depois, então, o capitão do Inter a marcar o único golo do jogo, na segunda parte, já perto da entrada para o quarto de hora final. O avançado argentino tabelou bem com Romelu Lukaku, que havia entrado pouco antes, e com um remate rasteiro ao primeiro poste bateu Maignan.

O Milan não encontrou resposta nuns segundos 45 minutos em que não incomodou verdadeiramente Onana, guarda-redes do Inter, e foi o Inter que quase fez o 2-0, por Lukaku, à beira do fim.

Lautaro Martínez atira para o golo
Lautaro Martínez atira para o goloAFP via Getty Images
Como tudo aconteceu: Inter 1-0

Melhor em Campo PlayStation®: Lautaro Martínez (Inter)

"Marcou o golo, claro, e manteve sempre os defesas contrários muito ocupados, para além de ter ajudado a defender. Um verdadeiro capitão."
Painel de Observadores Técnicos da UEFA

Glenn Hoddle, BT Sport

"O Inter tem qualidade, sem dúvida. Seja quem for que o enfrentar na final será o favorito e terá mais posse de bola, mas há qualidade nesta equipa."

Reacções 

Simone Inzaghi, treinador do Inter, em declarações à Sport Mediaset: "Entre 1 de Abril e 16 de Maio temos vindo a jogar a cada três dias, mas conseguimos duas finais e melhorámos muito no campeonato. Há que dar crédito aos meus jogadores. Nos próximos dias daremos conta do que fizemos. Para nós era um sonho, mas sempre acreditámos nele. Foi um percurso extraordinário e vencer um dérbi como este numa meia-final traz muita satisfação. Madrid e City são duas das melhores equipas da Europa. Estou feliz por nós. Amanhã vou ver o jogo com interesse, mas não tenho preferência."

Lautaro Martínez, autor do golo do Inter, em declarações à Sky Italia: "Fizemos um grande trabalho em ambos os jogos. A chave para o sucesso era jogarmos como um grupo e foi o que fizemos. Tive uma experiência semelhante no Mundial: se estamos unidos, conseguimos jogar estes jogos importantes da melhor forma possível. Sempre que entro em campo tento dar o meu melhor para ajudar os meus companheiros. Sabíamos que tínhamos esta oportunidade de chegar à final e hoje conseguimos concretizá-la."

Stefano Pioli, treinador do Milan, em declarações à Sky Sport: "Os meus jogadores deram tudo de si nas duas mãos, mas o Inter mereceu a vitória temos de lhe dar os parabéns. Esperávamos chegar à final e, obviamente, estamos desiludidos, mas aprendemos muito nesta temporada. Se olharmos para o facto de que fomos a equipa mais jovem a vencer o campeonato no ano passado, o caminho desta equipa não pode ser julgado negativamente. Fizemos uma grande campanha nesta Champions League, embora seja normal estarmos desapontados depois de perdermos uma meia-final com o Inter."

Davide Calabria, capitão do Milan, em declarações à Mediaset: "Este é um ponto de partida: ninguém poderia esperar que o Milan chegasse às meias-finais da Champions League nesta temporada. Demos tudo o que tínhamos. Não quero pensamentos negativos agora - temos que nos concentrar em terminar entre os quatro primeiros na Serie A."

A festa dos jogadores do Inter
A festa dos jogadores do InterAFP via Getty Images

Estatísticas

  • O Inter continua sem nunca ter estado a perder nesta fase a eliminar.
  • Lautauro Martínez marcou seu oitavo golo contra o Milan, mais do que os que marcou contra qualquer outra equipa pelo Inter.
  • O avançado tornou-se no segundo jogador argentino a marcar pelo Inter em meias-finais da Champions League, depois de Diego Milito em 2009/10.
  • O conjunto de Simone Inzaghi somou o oitavo jogo sem sofrer golos na competição esta temporada, mais do que qualquer outra equipa.
  • O Milan somou o quarto jogo seguido sem marcar contra o Inter. Nunca tinha estado tantos jogos sem marcar frente ao seu vizinho e rival.

Melhores do Fantasy

Em breve

Equipas

Inter: Onana; Darmian, Acerbi, Bastoni; Dumfries, Barella (Gagliardini 84), Hakan Çalhanoğlu, Mkhitaryan (Brozović 44), Dimarco (Gosens 66); Martínez (Correa 84), Džeko (Lukaku 66)

Milan: Maignan; Calabria, Thiaw (Kalulu 64), Tomori, Hernández; Tonali, Krunić; Junior Messias (Saelemaekers 76), Brahim Díaz (Origi 76), Rafael Leão; GiroudXx

O que se segue?

UEFA via Getty Images

O Inter vai ter o estatuto de equipa visitante na final, contra o Man City, na final, marcada para 10 de Junho em Istambul.